Profiteroles de chocolate com molho de chocolate quente



   
 

Para harmonização nós recomendamos: Croft Late Bottled Vintage

Ingredientes
Para os profiteroles

  • 85g de manteiga sem sal
  • 4 colher de chá de açúcar refinado
  • 200ml de água
  • 115g de farinha sem fermento
  • 1 pitada de sal
  • 3 ovos de tamanho médio, ligeiramente batidos
Para o recheio
  • 600ml de natas espessas
  • Sementes de uma vagem de baunilha
Para o molho de chocolate quente
  • 175g de chocolate, partido em pedacinhos
  • 50g de açúcar
Modo de preparação
  • Para os profiteroles de chocolate, aumente o forno para 200Cº e unte um tabuleiro com manteiga.
  • Coloque a manteiga, o açúcar e a água numa panela média e coloque em lume brando para derreter a manteiga. Aumente o lume e, em seguida, rapidamente adicione toda a farinha e o sal.
  • Usando uma colher de pau, bata a mistura até que esta comece a sair pelos lados da panela. Junte os ovos, um de cada vez (a mistura deve ser brilhante e suave, com uma consistência macia).
  • Mergulhe uma colher de chá num pouco de água morna e retire uma colherada da mistura de profiterole. Esfregue a parte superior com um dedo molhado para remover todos os grumos e coloque no tabuleiro. Repita até que toda a mistura tenha sido utilizada.
  • Coloque o tabuleiro no forno por 25-30 minutos até os profiteroles ficarem dourados.
  • Retire do forno e pique a base de cada profiterole com um espeto. Coloque no tabuleiro com o furo virado para cima e retornar para o forno durante cinco minutos. Retire os profiteroles do forno e deixe-os arrefecer.
  • Para rechear, bata o preparado de natas numa tigela até formar picos. Misture as sementes da baunilha e bata até misturar bem. Introduza o creme de baunilha num saco de pasteleiro com 0,5 centímetros / ¼ de bico liso.
A seguir: Tarte Tatin >>
Para harmonização nós recomendamos:


Croft Late Bottled Vintage

Aromático, com um bouquet ligeiramente especiado, repleto de aromas a frutos tropicais. Boca luxuosa, cheia, intensa e redonda. De boa profundidade e dimensão.
 
O Croft LBV foi desenvolvido para responder à procura de um produto de qualidade superior mas que permitisse o seu consumo imediato e diário, em alternativa à gama de vinhos do Porto Vintage. Ao contrário de um típico Porto Vintage, que é engarrafado apenas dois anos após o seu estágio em madeira e que finaliza o seu envelhecimento em garrafa, este LBV é engarrafado após quatro a seis anos de estágio e pode ser consumido na altura do engarrafamento.
 
O Croft Late Bottled Vintage é engarrafado para consumo imediato.